Pub
Pub
artigo
imprimir

Se vai passar o Natal sozinho, leia este artigo

O Natal é encarado como um dia consagrado ao convívio e à reunião com a família. Contudo, muitas pessoas passam o Natal longe dos seus. Seja quais forem as razões, está tudo bem com essa decisão! Leia aqui algumas dicas para aproveitar ao máximo o Natal sozinho.

Apesar de ser uma festa cristã, o Natal é mundialmente encarado como um dia consagrado ao convívio e à reunião com a família. Portanto, a perspetiva de passar o Natal sozinho – seja pela primeira vez ou pela vigésima – pode não parecer alegre. Contudo, muitas pessoas passam o Natal sozinhas ou longe da família todos os anos.

 

Algumas pessoas têm horários de trabalho exigentes que tornam difícil viajar. Outras podem não ter possibilidade de fazer viagens longas. E outras, simplesmente, escolhem passar o Natal sozinhas. Ora se isto é verdade num ano normal, é-o ainda mais em 2020,  quando muitos de nós vamos celebrar o Natal sem amigos ou família devido à pandemia de coronavírus.

Desfrutar do dia

Seja por escolha ou circunstância, o Natal não é um dia como os outros. E, enquanto dia especial, merece ser desfrutado. A grande vantagem de passar o Natal sozinho é que não precisa de negociar com ninguém como o vai desfrutar. É provável que já tenha em mente uma imagem do que é um dia agradável para si. Porém, se estiver à procura de ideias, as nossas recomendações para passar um excelente natal sozinho são as seguintes:

 

Aproveite para relaxar

 

Sem despertadores e preparativos stressantes para almoços ou jantares de Natal, podemos simplesmente relaxar. E aproveitar para pôr o sono em dia. Esta pode ser a solução para quem nunca tem tempo para acordar e tomar o pequeno-almoço calmamente. Depois começar a cozinhar um prato especial a qualquer hora do dia. E passar o dia de pijama na cama e no sofá (ou vice-versa). Com certeza no final da quadra sairá revigorado e pronto para enfrentar o novo ano com a energia necessária.

 

Dedique tempo aos seus hobbies

 

É um ótimo dia uma ótima altura para pôr em dia qualquer hobby que normalmente não tenha tempo de desenvolver. Isso trar-lhe-á alegria e um sentimento de realização! Se ainda não tem um, experimente fazer um puzzle, aprender origami ou fazer crescer um bonsai de raiz!

 

Visite a sua cidade

 

No dia 25 de dezembro, à hora do almoço, a maioria das pessoas estará sentada ao redor de uma mesa; portanto, que melhor altura para ter a cidade toda para si? O espírito natalício certamente não faltará, entre as tantas luzes que decoram as cidades neste período, permitindo-lhe dar a si próprio um momento mágico. Este ano, já sabe: sempre de máscara e cumprindo todas as recomendações das autoridades de saúde.

artigo

47.

Dicas para gerir o Natal com Diabetes

Saia de casa… até outro espaço quase privado

 

Há muitas vantagens em passar o Natal sozinho num hotel, resort ou até num turismo rural (mesmo que na sua cidade ou nos arredores!). Desta forma poderá desfrutar de coisas como toalhas e lençóis novos que não precisa de lavar depois, um quarto com uma bela vista, serviço de quartos e, com sorte, de um SPA!

 

Vá ao cinema

 

Sempre que possível, opte por uma sala a que não costuma ir, com um filme que queira mesmo ver. Compre os seus ingressos com antecedência por forma a comprometer-se com a experiência. E, apesar de não poder comer pipocas de momento, vai certamente desfrutar da habitual sala escura, do ecrã gigante e da companhia que é tão importante quando vemos os filmes de que mais gostamos.

 

Inscreva-se para fazer voluntariado

 

Ou mesmo atividades comuntárias! Fazer coisas boas pelos outros é uma maneira bem estabelecida de se conectar com outras pessoas, ganhar propósito e melhorar o seu humor.

 

Leia o Diabetes 365º!

 

E se for diabético, ou cuidador de uma pessoa com diabtes, já sabe. Aproveite para ler os nossos artigos dedicados à melhor gestão da doença, numa altura em que a alimentação e menos exercício físico podem ser um problema.

 

A equipa da Diabetes 365º deseja-lhe um excelente Natal. Szinho ou acompanhado, nós estaremos aqui consigo!

 

artigo
imprimir
anterior seguinte