Pub
Pub
artigo
imprimir

Que chá posso tomar na diabetes?

À primeira vista, um chá pode parecer apenas uma água com sabores. Mas será que todos os chás são adequados para quem tem diabetes? E existirá alguma diferença entre chás e infusões? Vamos descobrir!

Em termos gerais, um chá é uma bebida onde se infusionam sabores de plantas e frutas em água bem quente. Na sua essência é uma bebida saudável, isenta de açúcar e calorias. Tomados ao natural, acredita-se que alguns chás possam ter benefícios na gestão da diabetes.

Chás e infusões: a diferença

Antes de mais, clarifiquemos este tópico. Sim, um chá é uma infusão. Mas nem todas as infusões são chás! Confuso? Não é preciso. Uma infusão acontece quando os sabores e compostos aromáticos solúveis de plantas ou frutas são transferidos para um líquido, normalmente água quente. A água fica infundida com esses aromas e transforma-se numa bebida deliciosa e reconfortante.

 

No entanto, só as infusões feitas a partir da planta Camellia sinensis são consideradas «chás verdadeiros». Estas contêm cafeína e incluem os seguintes tipos de chá:

 

  • Preto
  • Branco
  • Verde
  • Vermelho
  • Amarelo
  • Oolong

 

Infusões feitas a partir de outras plantas (por exemplo, camomila, erva príncipe, cidreira, tília) ou a partir de frutas, são apenas infusões (ou tisanas), e não chás. A principal diferença é que, por não serem feitas com «folhas de chá», são isentas de cafeína. No entanto, o termo «chá» é muito usado para nos referirmos a todos os tipos de infusões de plantas e frutas em água quente.

Benefícios do chá na diabetes

Alguns chás podem ser benéficos e ajudar a controlar a diabetes. Isto porque podem:

 

  • promover o controlo da glicemia (níveis de açúcar no sangue)
  • reduzir a inflamação
  • melhorar a sensibilidade à insulina
  • manter uma pressão arterial (tensão) saudável
  • prevenir a formação de coágulos

 

Além disso há que mencionar as seguintes características:

 

Chá, fonte de hidratação

 

Beber chás ao natural, sem adição de açúcar, mel ou leite, é uma excelente forma de nos mantermos hidratados. Uma boa hidratação é fundamental para que o corpo funcione corretamente. Isto inclui os processos de regulação da glicemia. Alguns estudos demonstram mesmo que a desidratação está associada ao aumento dos níveis de açúcar no sangue das pessoas com diabetes.

artigo

186.

Como conseguir uma boa hidratação

Uma alternativa não calórica

 

O seu agradável sabor faz desta bebida uma excelente alternativa não calórica aos refrigerantes e preparados de café açucarados. Desta forma, conseguimos uma boa ajuda no controlo glicémico.

 

E as propriedades medicinais?

 

Alguns chás possuem mesmo compostos que combatem os danos celulares, reduzem a inflamação e diminuem os níveis de glicemia. Os «chás verdadeiros» contêm polifenóis, substâncias que os investigadores acreditam aumentarem a atividade da insulina. Muitos chás ajudam a relaxar e a reduzir o stresse, o que também é benéfico para o organismo.

 

O que sabemos sobre os seguintes tipos de chá:

 

  • Verde – estudos demonstram que é um ótimo regulador dos açúcares no sangue. Em conjunto com uma vida saudável, pode mesmo atrasar ou prevenir o aparecimento da diabetes tipo 2.

 

  • Preto – tem propriedades antiinflamatórias, antioxidantes e diminui a glicemia.

 

  • Hibisco – reduz a inflamação, diminui a resistência à insulina e reduz a pressão arterial (tensão). Pode ser benéfico, sobretudo, em pessoas com diabetes que têm hipertensão. No entanto, é preciso ter atenção! Se estiver a tomar medicação para a hipertensão, o chá de hibisco pode interferir com o seu efeito. Por outro lado, se tiver a tensão normal ou baixa, modere o seu consumo, já que podem dar-se episódios de hipotensão (tensão demasiado baixa).

 

  • Canela – não está provado que a canela tenha efeitos diretos na diabetes. Mas o seu delicioso aroma e sabor fazem deste um chá que não necessita de adição de açúcar.

 

  • Camomila – promove a regulação da glicemia e previne o stresse oxidativo.

Os riscos dos chás na diabetes

O principal risco de tomar chá por quem tem diabetes é o facto de muitas pessoas não o tomarem ao natural. É importante não adoçar o chá com açúcar ou mel. Além disso, deve evitar a adição de leite. Isto porque pode desregular a glicemia sem se dar conta. Principalmente se for algo que faz vezes sem conta.

 

Outro risco comum são os chás com açúcares adicionados. Tenha sempre muita atenção às etiquetas dos ingredientes e da informação nutricional. Aquele chá de «caramelo com baunilha» pode parecer uma ideia deliciosa e inócua. No entanto, é provável que tenha açúcares adicionados ou outros ingredientes que podem levar ao aumento da glicemia.

 

Os «chás verdadeiros» como, por exemplo, o branco, o verde, o vermelho, o preto e o oolong – contêm cafeína. Modere o seu consumo, principalmente se tiver hipertensão ou algum outro problema cardíaco.

 

Finalmente, é preciso ter atenção às interações entre as plantas e os medicamentos. As plantas, apesar de naturais, contêm componentes com diversas propriedades. Esses componentes podem interferir com a medicação para a diabetes ou para outras condições. Por exemplo, o chá de hipericão anula os efeitos dos imunossupressores e é extremamente perigoso para quem tenha recebido um transplante. O chá de aloé vera e rooibos, por sua vez, interferem com antidiabéticos orais como a metformina. Por isso, pergunte sempre ao seu médico, enfermeiro ou farmacêutico quais as plantas ou chás que interferem com a sua medicação.

 

Em modo de resumo, lembre-se:

 

Os chás são bebidas hidratantes, reconfortantes e geralmente adequadas às pessoas com diabetes. Não adicione açúcar, mel ou leite pois estes podem desregular a glicemia. Habitue-se ao seu sabor natural ou adoce-os com um pau de canela. Consulte a sua equipa de saúde para saber se existem plantas que possam interferir com a sua medicação. Tenha atenção aos «chás verdadeiros», que contêm cafeína e pare de tomar qualquer chá se tiver sintomas estranhos e desagradáveis.

 

Tendo tudo isto em conta, sente-se, relaxe e quente ou frio, tome os seus chás preferidos com toda a tranquilidade do mundo.

 

Por fim, junte-se à comunidade Diabetes 365º!

Referências
  • Twinings.co.uk

  • Healthline

  • Diabetes.co.uk

artigo
imprimir
anterior seguinte