Pub
Pub
artigo
imprimir

Triglicéridos: o que precisa de saber

Os triglicéridos, tal como o colesterol, são um dos lípidos (ou «gorduras») presentes no nosso organismo que devemos controlar.

Apesar de não serem tão falados como o colesterol, os níveis elevados de triglicéridos são igualmente uma preocupação frequente nos dias de hoje. Mas afinal, o que são os triglicéridos, para que que precisamos deles e quais os valores que devemos conhecer?

O que precisa de saber sobre os triglicéridos

O que são?

 

Os triglicéridos, assim como o colesterol, são um tipo de lípidos (gordura) que circula no nosso organismo. São, na realidade, uma fonte de energia ao serem convertidos em glicose no fígado, num processo a que se chama de gliconeogénese. Da mesma forma podem também ser armazenados no tecido adiposo (tecido constituído por células que armazenam gordura).

 

Os triglicéridos são o tipo mais comum de lípido (ou gordura) no nosso organismo. A maior parte da gordura presente no nosso organismo está armazenada sob a forma de triglicéridos.

 

Quando os valores de triglicéridos no sangue estão elevados, dizemos que estamos perante um hipertrigliceridemia. Assim como a hipercolesterolemia (níveis elevados de colesterol), a hipertrigliceridemia é considerada uma dislipidemia (disfunção dos níveis de lípidos sanguíneos).

 

Quais são as causas para ter níveis de triglicéridos altos?

 

Além de obtermos parte dos triglicéridos a partir da alimentação, sabia que o nosso organismo também os consegue produzir no fígado? Quando ingerimos uma dieta hipercalórica, este órgão aumenta a produção deste tipo de lípidos.

quiz

26.

Que alimentos evitar na diabetes?

Além disso, os níveis de triglicéridos elevados no sangue e em jejum podem estar associados a:

 

  • Diabetes não controlada;
  • Obesidade;
  • Dieta hipercalórica;
  • Consumo excessivo de álcool;
  • Cirrose;
  • Doença renal;
  • Hipotiroidismo (tiroide não produz níveis de hormonas normais),
  • História familiar de níveis de triglicéridos altos,
  • Alguns medicamentos (esteroides, beta-bloqueadores e diuréticos).

 

Como é feita a classificação dos níveis?

 

As pessoas com diabetes devem fazer análises aos triglicéridos pelo menos 1 vez por ano. A análise deverá ser feita em jejum, uma vez que ingerir alimentos algumas horas antes pode influenciar os resultados. E quais os níveis que devemos esperar?

 

  • Níveis normais: <150 mg/dL (<1,69 mmol/L).

 

Em pessoas com diabetes tipo 2 é comum encontrar níveis moderadamente altos (ou seja, uma hipertrigliceridemia moderada). Apesar de a definição variar, a mais comum refere os seguintes valores:

 

  • Níveis moderadamente altos: 150 — 199 mg/dL (1,69 — 2,25 mmol/L).

 

Em casos mais graves, os níveis podem ser:

 

  • Níveis altos: >200 ou 250 mg/d (2,26 ou 2,83 mmol/L).

 

  • Níveis gravemente altos: >500 mg/dL (5,65 mmol/L)

 

Ao contrário do que pode acontecer na diabetes tipo 2, as pessoas com diabetes tipo 1 não têm, normalmente, níveis de triglicéridos em jejum altos, exceto em casos em que a diabetes não está controlada. Isto porque o tipo 2 da doença surge como uma consequência do estilo de vida, o que é também muitas vezes a razão que leva a níveis elevados de colesterol ou triglicéridos.

 

Como reduzir os níveis?

 

A estratégia ideal passa por seguir uma dieta com menos calorias e por fazer exercício físico de forma regular. Reduzir o consumo de álcool está igualmente recomendado. Contudo, poderá ser também necessário recorrer ao uso de medicamentos para que sejam alcançados valores normais.

 

Junte-se à comunidade Diabetes 365º!

Fontes

Referências

  • Diabetes UK
  • Laufs U, et al, 2020
  • University of Rochester Medical Center
artigo
imprimir
anterior seguinte